ter, 05 maio 2020

Ventura + Partners conclui nova unidade de cuidados intensivos do Hospital Pedro Hispano

A Ventura + Partners acaba de completar a ampliação da Unidade de Cuidados Intensivos do Hospital Pedro Hispano, em Matosinhos. A inauguração contou com a presença da ministra da Saúde, Marta Temido, de Luísa Salgueiro, presidente da Câmara de Matosinhos, de Taveira Gomes, presidente do Conselho de Administração da Unidade de Saúde Local de Matosinhos (USLM), de Rui Araújo, diretor do Serviço de Medicina Intensiva do hospital, e de todos os que tornaram o projeto possível.

O projeto foi desenvolvido como resposta à pandemia Covid-19, criando 11 quartos com pressão negativa que garantem, simultaneamente, as melhores condições de tratamento dos pacientes e uma maior segurança dos profissionais de saúde. Duplicando o número de camas do Serviço de Medicina Intensiva (SMI), esta ampliação não só vem reforçar, a curto prazo, a capacidade de resposta do Hospital de Matosinhos contra a pandemia, mas também se traduz, a longo prazo, numa nova valência para o seu funcionamento regular. Refira-se, a este nível, que a nova unidade já permitiu ao Hospital retomar a sua atividade normal, incluindo a cirúrgica, impactando diretamente toda a comunidade.

Concluído em apenas 25 dias de trabalho, o projeto foi desenvolvido num modelo de colaboração contínua entre arquitetos e a equipa do SMI, de modo a assegurar a total adaptação às necessidades de pacientes e profissionais de saúde. A nível exterior, o volume estabelece relações simbióticas com os edifícios envolventes, articulando harmoniosamente Arte e Ciência. Os desenhos de Manuela Oliveira, professora aposentada de Educação Visual, coabitam com uma frase de Pedro Hispano, médico do século XVII: "Ordinatur medicina conseruatione sanitatis habitae et recuperatione amissae per aegritudinis remotionem", ou seja, “A medicina tem como fim a conservação da saúde devida e a recuperação da saúde perdida eliminando a doença.”

No total, o projeto – pioneiro no país – envolveu diretamente mais de 300 pessoas, entre arquitetos, designers, engenheiros, técnicos e outros trabalhadores envolvidos na produção e construção.

View project